AVALIAÇÃO COMPORTAMENTAL

Avaliar é observar o que a criança faz, quando e com quem, e entender de que forma isso foi sendo aprendido em sua história de vida. Para tanto, nos reunimos com a família, vamos até a escola e a casa e observamos a criança/adolescente em momentos bem variados (alimentação, banho, brincadeiras, refeição e interação familiar).

Com esses dados, relatos e observações, preparamos uma Análise Funcional de todos os comportamentos relevantes, que nos conduz a hipóteses sobre as causas passadas e atuais que modelaram e mantém esses comportamentos. Depois dessa primeira avaliação, usamos Protocolos de Avaliação já padronizados e validados por diversos pesquisadores da Análise do Comportamento e identificamos aqueles que precisam ser maximizados tanto na área pré-acadêmica e acadêmica (sentar, esperar, imitar, manter contato visual, seguir instruções, ler, emparelhar ou somar), quanto nas áreas social, verbal e nas atividades de vida diária. Identificamos, também, os comportamentos que precisam ser minimizados por dificultarem a aprendizagem e a interação social mais proveitosa.

Depois dessa identificação de comportamentos-alvo, elaboramos Programas e Procedimentos Individualizados que serão trabalhados e traçamos metas a curto e longo prazo a partir do Currículo da Gradual.